“La Cité du Vin” — A cidade do vinho em Bordéus em jeito de “Guggenheim”

© XTU/ANAKA/LA CITE DU VIN

Bordéus tem um centro cultural inteiramente dedicado ao vinho! Um lugar para se admirar (se gostarmos de arquitetura), para se visitar (se apreciarmos vinho) e para se experimentar (se gostarmos de provas de vinho).

Comecemos pelos números: em termos arquitetónicos, “La Cité du Vin” tem 13.350 m2, divididos em 10 andares e 55 metros de altura, um edifício concebido de uma forma eficiente em termos energéticos para reduzir a necessidade de refrigeração. O museu, cuja arquitetura evoca o Museu Guggenheim de Frank Gehry em Bilbau, fica nas margens do rio Garonne e do seu miradouro podemos ter uma visão da cidade de Bordéus e arredores. Quanto à parte cultural propriamente dita, a visita permanente, está organizada em módulos temáticos e é explicada em oito idiomas, contando a história geral do vinho e a tradição vinícola da região. Mas há igualmente exposições temporárias, espectáculos exibidos em ecrãs de 360º, bar de tapas, e uma biblioteca com mais de 9.000 garrafas de vinho, além de wokshops.

O objectivo deste espaço – que contou com meio milhão de visitantes em 2017, entre os quais vários associados da Associação das Rotas dos Vinhos de Portugal (ARVP) – para além de divulgar e dignificar o vinho francês, é também o de dar a conhecer vinhos de outros países. Uma última nota para referir que o preço dos bilhetes é de €20 para os adultos e de €8 para as crianças. Estamos certos que este Museu vai mudar a identidade da cidade de Bordéus. É de tal modo grandioso, que é difícil não ficar impressionado!

Contacto